terça-feira, 19 de julho de 2016

Pico do rádio online é após o almoço

Assim como em 2015, 89% das pessoas residentes em 13 regiões metropolitanas ouvem rádio, representando mais de 52 milhões de ouvintes. Em média, cada pessoa passa mais de 5 horas por dia ouvindo rádio. O instituto divulgou mais detalhes da pesquisa e apontou o horário de pico para quem ouve rádio pelo celular ou computador.

Segundo o instituto Kantar Ibope Media, o período da tarde é o preferido para ouvir rádio, na visão de quem acompanha o meio de comunicação por celulares e computadores. O horário de pico para os ouvintes é logo após o almoço, no intervalo entre 14h e 15h, conforme mostra a Pesquisa Regular de Rádio. O estudo, divulgado pela Kantar Ibope Media nesta segunda-feira, 11, traz detalhes sobre o perfil e hábitos de quem escuta rádio, bem como sobre o consumo dos veículos em diferentes locais e plataformas. 

O levantamento foi realizado em 13 regiões metropolitanas do Brasil e identificou que 89% das pessoas escutam rádio habitualmente. O número corresponde a 52 milhões de ouvintes nas áreas pesquisadas. O alcance do rádio comum é de 58% dos ouvintes, enquanto o celular equivale a 15% e os computadores representam outros 5%. A faixa horária de maior uso de celulares e computadores para ouvir rádio corresponde também ao pico de usuários conectados ao rádio no trabalho. Cerca de 10% dos participantes ouvem rádio no local em que trabalham, durante o expediente. A maioria (52%) ouve em casa, entre 10h e 11h. O carro (15%) e os meios de transporte público (6%) também foram considerados como locais preferidos pelos amantes do rádio. 
Em enquete realizada, 68% ouvem rádio em casa, sendo 32% pelo aparelho de rádio ou celular com FM, 30% pela internet no computador e 6% na internet pelo celular. Além disso, 19% ouvem no carro/transporte público e 12% no trabalho.

Artigos Relacionados

0 comentários:

Postar um comentário